Steven Pinker – Como A Mente Funciona

O PROCESSO EVOLUTIVO

Como um órgão complexo poderia evoluir gradualmente se apenas a forma final é útil? Com grande frequência, a premissa da inutilidade é absolutamente errada. Por exemplo, olhos parciais têm visão parcial, o que é melhor do que nenhuma visão. Mas às vezes a resposta é que, antes de um órgão ser selecionado para assumir sua forma atual, ele foi adaptado para alguma outra coisa, passando então por um estádio intermediário no qual realizava as duas funções. A delicada série de ossos do ouvido médio nos mamíferos (martelo, bigorna, estribo) começou como partes da articulação da mandíbula dos répteis. Os répteis muitas vezes sentem vibrações encostando a mandíbula no chão. Certos ossos servem tanto como articulação de mandíbula quanto como transmissores de vibrações. Isso preparou o terreno para que os ossos se especializassem cada vez mais como transmissores  de som, fazendo com que diminuíssem de tamanho e assumissem sua atual forma e papel. Darwin denominou “pré-adaptações” as formas iniciais, embora salientasse que a evolução não antecipa de algum modo o modelo do ano seguinte.

© Steven Pinker – Como A Mente Funciona (excerto) – Companhia das Letras

One thought on “Steven Pinker – Como A Mente Funciona”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s